sábado, 10 de março de 2012

RAINHA DOS APÓSTOLOS


Chamados e escolhidos pelo Mestre, os apóstolos O acompanhavam por toda parte, ouvindo sua doutrina, e assistindo a seus milagres. 
Estavam convencidos de que Ele era realmente o Messias prometido. 
E, embora abalados na sua fé, diante da prisão e morte do Redentor, eles continuavam certos da divindade do seu Mestre, vendo-O depois ressuscitado, conversando com eles como  fazia antes da morte.
Dada, porém, a ausência do Mestre, principalmente após a Ascenção, foi Nossa Senhora quem passou a estar sempre com os Discípulos, preparando-os para o ministério que os esperava. 
Dela puderam eles conhecer tudo o que se referia ao nascimento e infância do Salvador. Ouvindo-O, frequentemente, chegaram a penetrar melhor a sublimidade da doutrina que o Mestre lhes ensinara, bem  como seu plano de Redenção, a natureza e a missão da sua Igreja neste mundo. Com eles, a Virgem se reunia no Cenáculo para rezarem juntos; e era nessas ocasiões que ela lhes falava com autoridade que todos lhe reconheciam como Mãe do Salvador
Foi assim que ela preparou os apóstolos para receberem o Espírito Santo que o Mestre lhes prometera enviar. E até ao fim da sua vida neste mundo, foi ela quem os orientou na pregação da Palavra, animando-os com o exemplo da sua dedicação e fidelidade ao Mestre. Nela os apóstolos puderam achar, não somente um coração de mãe, mas também a força e coragem de uma rainha que os levou a enfrentar todas as lutas e perseguições na difusão do Evangelho. Por isso, dirigindo-se a nossa Senhora numa de suas pregações, exclamava S. Cirilo de Alexandria: "Foi por teu intermédio, ó Virgem bendita, que os apóstolos puderam pregar  o Evangelho  a todos os povos e nações do mundo".
Mãe e rainha dos apóstolos, ela continua sendo o mesmo exemplo de zelo e dedicação para todos nós, que, de uma ou de outra forma, devemos trabalhar pela expansão do Reino de Deus nas almas. Que o seu exemplo nos faça confiar sempre mais nessa Igreja santa, pela qual ela e os apóstolos tanto fizeram.

0 comentários:

Postar um comentário