sábado, 31 de outubro de 2015

Maria, Pronta Para Amar!


Fala! Não te demore mais,
Solta o teu verbo para que o Verbo divino
Venha habitar, ó Virgem, no teu seio.
Mas... minha alma, porque perturba a santa donzela
Com teus clamorosos rogos!
Tu, põe-te a escutar,
Pois só doçura paira em seus lábios...
Eis, vai-se abrir a boca da colmeia,
E a chuva de mel começa a cair:
Aqui está a escrava última do Deus eterno,
A mais mesquinha das servas do Senhor.
Aceito, no mais íntimo de minha alma,
As ordens soberanas
E ouço obedientes os seus dizeres.
Faça-se em mim, ó santo mensageiro,
Segundo as tuas palavras,
Pronta para crer, pronta para amar!
(S. José de Anchieta)

0 comentários:

Postar um comentário