sábado, 14 de novembro de 2015

Carta às Mulheres



A Igreja vê, em Maria, a máxima expressão do 'gênio feminino', nela encontrando uma fonte incessante de inspiração.  
Maria definiu-se como ' Serva do Senhor' (Lc 1, 38)
E, por obediência à Palavra de Deus que ela acolheu a sua vocação privilegiada, mas nada fácil, de esposa e  mãe da família de Nazaré. 
Pondo-se a serviço, ela colocou-se também a serviço dos homens: um serviço de amor.
(João Paulo II)

Um comentário: